Header Ads

Resistência Apologética

Objeções ateístas e sua refutação


Algumas Objeções Ateístas Refutadas

Quatro das argumentações mais usadas em um primeiro contato com a ignorância desmedida de ateus que são ateus por mera falta do que fazer:
ps: Acredite, essas são mesmo objeções que enfrentei em debates com ateus que acham que tais apelos a ignorância, são mesmo argumentos o suficientes para serem ateus.

1- " Seu deus e o saci, assim como os outros deuses mitológicos, são a mesma coisa. Então porque devo acreditar que ele exista?"

Resposta: Nunca vi alguém se envolver em uma discussão pra tentar provar que saci ou o Odin não existe. Se vc quer apelar pra essa ampliação indevida, terá que demonstrar argumentos para existência de saci e deuses mitológicos, tão fortes como temos para a existência de Deus. Terá que invalidar os argumentos de existência e depois sustentar seus argumentos inexistência. Te dou até uma dica. Comece pelo argumento cosmológico da contingência, seguido pelo de Kalam. Este, remonta ao tempo de Aristóteles na antiguidade, foi aplicado por João Philoponos no século 6 e uns 300 anos depois foi desenvolvido por filósofos islâmicos da escola de kalam e sugere que o universo não tem um passado de eventos infinitos, e portanto teve um começo. Se teve um começo, tem de ter uma causa, e sua causa deve ter sido um criador pessoal, atemporal, imaterial e onipotente. Sendo assim você pode sustentar que tal argumento lógico, poderia ser usado para defender que um saci existi ou que um deus nórdico contingente exista?? Creio que não. Ora.... dizer que o Deus bíblico, um saci, e um deus mitológico é a mesma coisa, além de ser puro non sense, é muita ignorância quanto ao âmbito de discussão, uma vez que saci e deuses mitológicos estão no plano fisico, todos contingentes, e Deus, está no metafisico, no mesmo campo que a lógica, a mente e a matemática.

Ainda assim e portanto, não há nenhum elemento de sublimidade já existente ou mesmo concebível na natureza que ultrapasse ou ao menos se iguale a ideia de Deus.
A proposição de que Há um Deus, não tem competidor e permanece sozinha em grandeza, sem rivais e inacessível. E se a sua sublimidade não prova a sua veracidade, ao menos a torna digna de pesquisa, impondo uma tarefa de peso ao cético. Pois se for falsa, não é apenas o mais sublime dos erros, mas é um erro mais sublime que a própria verdade, sendo mais nobre e mais edificante do que qualquer verdade que a natureza possa apresentar as nossas contemplações.

Se isto for um paradoxo, sua solução é uma tarefa que cabe àqueles que negam a existência de Deus. E não se trata do porque vc deveria acreditar e sim, vc deveria saber que nós temos bons motivos para crer assim. Então, boa sorte ateu, em sustentar suas alegações e achar que me convence do contrario.!!

2 - "Deus é auto existente?? Que sem nexo como conseguem alegar um absurdo desses?"

Resposta: O principio cientifico da causalidade, diz que tudo que passa a existir, tem de ter uma causa. Esse mesmo principio não nega que algo exista por si mesmo, até meados do século passado, pensava-se que o UNIVERSO era auto existente. Portanto antes mesmo da ciência chegar a essa análise, nós sempre afirmamos, que Deus é auto existente, a primeira e única causa não causada.


3 - "Ninguém defende esse o nada , do nada, pelo nada. Ateus apenas sabem que a ciência ainda não encontrou respostas. "

Resposta: Ao não apresentar nenhuma objeção relevante contra a possibilidade de um ser como Deus ter criado tudo, os ateus ficam com um vazio e tolo NADA. E a lacuna tacanha de que " a ciência UM DIIIIA" poderá ter alguma resposta final! O que será triste para o ateu, pois até agora, o ateísmo cientificista que acha que a ciência responde e deve responder a tudo, não conseguiu derrubar um só dos mínimos argumentos a favor da existência de Deus. Ao contrário disso, sempre os corrobora.

4 - "Com que base vc refuta o deus dos outros e prova que o seu é o verdadeiro?"

Resposta: Ora, pelo principio da causalidade sabemos que só pode haver UMA SÓ CAUSA NÃO CAUSADA, INCRIADA< AUTO EXISTENTE.> E nós a chamamos de Deus há pelo menos uns 4 mil anos. ( e muito bem registrado).

E quanto aos outros tais deuses???? onde se é dito algo sequer parecido que seja sustentado filosoficamente?? Em lugar algum. Quer falar de qual desses deuses?? O caolho ODIM do clã de Bor?? De Zeus neto de GAIA?? De Ganesh, aquele que teve a cabeça arrancada pelo padrasto e teve no lugar uma cabeça de elefante?? Ora criança ateista, tais ditos deuses, sequer podem ter sua existência sustentada com algum argumento que o valha. Vá se informar criatura ignorante.



Att: Elisson Freire


Continua...


Nenhum comentário

Seja respeitoso e saiba que não aprovamos comentários de anônimos caso se trate de conteúdo inapropriado ao artigo, como ataques, deboches ou críticas irrelevantes e sem nada a acrescentar. Não publicaremos comentários que não tenham a ver com o tema do artigo. Se quiser fazer uma crítica ou sugestão, utilize a página de Contato.

- Obs.: Todos os comentários são moderados antes de serem publicados então:

* É de sua inteira responsabilidade o que será escrito aqui.

* Não use o caps lock a menos que queira enfatizar alguma palavra. Textos em caps lock serão excluídos!

* Escreva sem xingamento, respeite o seu próximo. Comentários depreciativos e ofensivos serão deletados. Assim como os que fugirem ao escopo do artigo.

- Caso deseje contraditar algum de nossos artigos, certifique-se de o ter lido completamente e verifique se a sua objeção já não está respondida em outra postagem nesta página. Utilize a barra de pesquisa e o painel de temas.

- Comentários tumultuosos e que apenas repetem objeções já abordadas no artigo, serão ou deletados ou receberão uma dura resposta por sua desatenção.

Tecnologia do Blogger.