Igreja Romana e o uso das imagens

A Igreja Romana desde o século VIII ensinou seus fiéis o culto as imagens, entretanto um grupo de militantes católicos tentam usar d...



A Igreja Romana desde o século VIII ensinou seus fiéis o culto as imagens, entretanto um grupo de militantes católicos tentam usar de seus sofismas afirmando que a Igreja nunca ensinou seus adeptos a idolatria contudo a própria Igreja Católica Romana desmente essa falácia abaixo vou demonstrar que esse falatório dos apologistas romanistas não passa de um paradoxo usando os próprios documentos da ICR


O Catecismo da Igreja Católica:
CIC§1192 – As santas imagens, presentes em nossas igrejas e em nossas casas, destinam-se a despertar e a alimentar a nossa fé no mistério de Cristo. Por meio do ícone de Cristo e de suas obras salvíficas, é a Ele que adoramos. Mediante as santas imagens da santa Mãe de Deus, dos anjos e dos santos, veneramos as pessoas nelas representadas.“


CIC§2130 – No entanto, desde o Antigo Testamento Deus ordenou ou permitiu a instituição de imagens que conduziriam simbolicamente à salvação através do Verbo encarnado, como são a serpente de bronze (Nm 21,4-9; Sb 16,5-14; Jo 3, 14-15), a Arca da Aliança e os querubins (Ex 25, 10-22; 1Rs 6,23-28; 7, 23-26).



CIC§2131 – Foi fundamentando-se no mistério do Verbo encarnado que o sétimo Concílio ecumênico, em Nicéia (em 787), justificou, contra os iconoclastas, o culto dos ícones: os de Cristo, mas também os da Mãe de Deus, dos anjos e de todos os santos. Ao se encarnar, o Filho de Deus inaugurou uma nova economia de imagens.


Concílio do Vaticano II
Entre as mais nobres atividades do espírito humano contam-se com todo o direito as belas-artes, principalmente a arte religiosa e a sua melhor expressão, a arte sacra. Por sua própria natureza estão relacionados com a infinita beleza de Deus a ser expressa de certa forma pelas obras humanas. Tanto mais podem dedicar-se a Deus, a seu louvor e a exaltação de sua glória, quanto mais distantes estiverem de todo propósito que não seja o de contribuir poderosamente na sincera conversão dos corações humanos a Deus.
Por isso a Santa Mãe Igreja sempre foi amiga das belas artes. Procurou continuamente o seu nobre ministério e instruiu os artífices, principalmente para que os objetos pertencentes ao culto divino fossem dignos, decentes e belos, sinais e símbolos das coisas do alto. Até a Igreja se considerou, com razão, juiz sobre elas, julgando entre as obras de arte quais convinham a fé, a piedade, as leis religiosamente estabelecidas e quais eram consentâneas ao uso sagrado.


II Concílio de Nicéia
Para proferir a nossa profissão de fé, conservamos todas as tradições da Igreja, escritas ou não escritas, que nos têm sido transmitidas sem alteração. Uma delas é a representação pictórica das imagens, que concorda com a pregação da história evangélica, crendo que, de verdade e não na aparência, o Verbo de Deus se fez homem, o que é também útil e proveitoso, pois as coisas que se iluminam mutuamente têm sem dúvida um significado recíproco(II Conc. Nicéia, em 787, Terminus: COD p.135).


Direito Canônico
Cân. 1188 – Mantenha-se a praxe de propor imagens sagradas nas igrejas, para a veneração dos fiéis; entretanto, sejam expostas em número moderado e na devida ordem, a fim de que não se desperte a admiração no povo cristão, nem se dê motivo a uma devoção menos correta.


Mediante a todos esses dogmas instituídos pelo catecismo, pelos concílios e pelo direito canônico a bíblia condena a simples existência de imagens:
Ex 20,23 – Ex 22,20 – Ex 23,13 – Ex 23,24 – Ex 34,14 - Lv 19,4 – Dt 4,16 -
Dt,4,23 – Dt 5,9 – Dt 6-14 – Dt 7,16 – Dt 8,19 – Dt 11,16 – Dt 11,28 - Dt12,30 - Dt 27,15 - Dt 28,14 - Dt 30,17 - Js 23,7 - Jz17,3 - 2Rs 17,35 - 2Cr 7,19 - Sl 97,7 - Is, 42,17 - Jr 7,9 - Jr 35,15 - Ez 14,6 - Ez 18,12 - Ez20,7 - Ez 23,39 - Os 13,4 1Cor5:10 -1Cor 6,9 - 1Cor 10,7 - 1 Cor10,14 - 2Cor 6,16 - Gl 5,20 - Ap 21,8


Essa refutação no quesito imagens e essa esfarrapada no argumento ‘’que a Igreja não ensina seus fiéis adorarem imagem’’ ainda existe uma resistência por parte dos romanistas no quesito imagens os desinformados alegam em sua defesa que não adoraram imagens sendo assim eles não praticam a idolatria, eles apresentam um silogismo que não tem lógica, dizem que veneram aos santos (Dulia) eles veneram com um grau mais elevado a Maria (Hper-Dulia) e adoram somente a Deus (Latria) mas vamos expor alguns exemplos que desmente toda essa falsidade de pensamento. Retirei as fontes sobre as definições dulia hiper-dulia e Latria em um site católco:
Dúlia:
 


Dulia do grego δουλεια, "douleuo" que significa "honrar, servir’’ é a veneração propriamente dita, é reconhecer alguém como superior a você e sendo ao mesmo tempo inferior a Deus, um exemplo claro de dulia nós podemos ver no final das orações dos santos, por exemplo:
Santo Expedito rogai por nós, ora essa frase curtíssima exprime toda doutrina da dulia, justamente porque o orante se põe inferior diante de São Paulo e ao mesmo tempo reconhece que Sto expedito não é dono da graça, já que o mesmo tem que supliciá-la à Nosso Senhor.
demonstrarei essa falácia tem fim quando há muitas diferenças entre o termo veneração (dulia) e adoração (Latria) bsaeado nos textos originais.



Mt 6:24
ουδεις δυναται δυσι κυριοις δουλευειν η γαρ τον ενα μισησει και τον ετερον αγαπησει η ενος ανθεξεται και του ετερου καταφρονησει ου δυνασθε θεω δουλευειν και μαμμωνα
Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o 
outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom




Lc 16,13
ουδεις οικετης δυναται δυσι κυριοις δουλευειν η γαρ τον ενα μισησει και τον ετερον αγαπησει η ενος ανθεξεται και του ετερου καταφρονησει ου δυνασθε θεω δουλευειν και μαμωνα
Nenhum servo pode servir dois senhores; porque, ou há de odiar um e amar o outro, ou se há de chegar a um e desprezar o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom.




Jo 8:33
απεκριθησαν αυτω σπερμα αβρααμ εσμεν και ουδενι δεδουλευκαμεν πωποτε πως συ λεγεις οτι ελευθεροι γενσεσθε
Responderam-lhe: Somos descendência de Abraão, e nunca servimos a ninguém;
como dizes tu: Sereis livres?




At 20:19
 δουλευων τω κυριω μετα πασης ταπεινοφροσυνης και πολλων δακρυων και πειρασμων των συμβαντων μοι εν ταις επιβουλαις των ιουδαιων
Servindo ao Senhor com toda a humildade, e com muitas lágrimas e tentações, que pelas ciladas dos judeus me sobrevieram;



Nas palavras de Paulo vemos que o serviço é dedicado somente a Deus, pois o próprio apostolo se declara escravo do senhor tanto que na epistola aos romanos ele começa escrevendo Paulo, servo de Jesus Cristo
Aqui nestes versículos fica claro mais uma evidência que (Dulia) servir venerar e honrar é uma forma de cultuar somente a Deus ou a deuses
hiperdulia.



A hiperdulia  Hiperdulia (do grego υπερδουλεια) é uma veneração só que em grau muito maior à dulia e ao mesmo tempo infinitamente inferior à latria. A única diferença neste grau em relação ao primeiro é a dignidade, já que o mesmo é dado a Maria Santíssima aquela que foi é e sempre será cheia de graça, e chamada de bendita entre as gerações. Entre todos os santos nenhum foi mais puro, benevolente, obediente do que a Virgem Maria Santíssima, este é o conceito católico de hiperdulia contudo essa esse conceito termina quando Maria assume a depedencia de Deus COMO SERVA quando o anjo lhe anunciava que ela seria mãe do salvador, ela diz:
(Lc 1,38) Eis aqui a serva do Senhor; seja para mim segundo a tua palavra.a era de Deus:
Maria disse eis aqui tua serva-->> (dou'-lay) δούλη. Que significa uma escrava.
No fim conclu
ímos que ela é serva e não venerada ou honrada assim como os católicos a designam
Aqui fica claro mais uma evidência que (Dulia) servir venerar e honrar é uma forma de cultuar somente a Deus 

COMMENTS

BLOGGER
Nome

Adulterações Bíblicas,4,Antissemitismo,4,Apócrifos,1,Apologética,25,Apostasia,1,Ateísmo,6,Calvino,1,Catolicismo,26,Católicos Refutados,6,Cristologia,1,Cruzados Católicos,15,Daniel Silveira F. Linhares,1,Download,5,Edmilson Silva,1,Enigmas da Bíblia,1,Entrevista com o Apóstolo,1,Escatologia,1,Fernando Nascimento,21,Filosofia,3,História da Igreja,23,Hugo de Paynes,7,Informações,2,Inquisição,4,Intolerância Religiosa,6,Islamismo,3,Livros,1,Lutero,20,Mariolatria,3,O Cânon Bíblico,12,Ortodoxia Bíblica,6,Papado,9,Protestantismo,22,Reflexões,10,Refutações,57,Refutando a Supremacia Papal,6,Respostas sobre Lutero,13,Seitas e Heresias,3,Slider,7,Sola Scriptura,4,Sucessão Apostólica,2,Trindade,3,Vida Cristã,1,Video,10,
ltr
item
Resistência Apologética: Igreja Romana e o uso das imagens
Igreja Romana e o uso das imagens
http://4.bp.blogspot.com/-CqB8Q6trgo0/VSwjTiTwKYI/AAAAAAAAAJM/XGmQ8k9SQuc/s1600/papa%2Be%2Bbatman.png
http://4.bp.blogspot.com/-CqB8Q6trgo0/VSwjTiTwKYI/AAAAAAAAAJM/XGmQ8k9SQuc/s72-c/papa%2Be%2Bbatman.png
Resistência Apologética
http://resistenciaapologetica.blogspot.com/2015/04/igreja-romana-e-o-uso-das-imagens.html
http://resistenciaapologetica.blogspot.com/
http://resistenciaapologetica.blogspot.com/
http://resistenciaapologetica.blogspot.com/2015/04/igreja-romana-e-o-uso-das-imagens.html
true
695476488695984212
UTF-8
Carregar todos os posts Not found any posts VER TUDO Leia mais Resposta Cancelar resposta Delete Por Home PAGINAS POSTS Ver TUDO Recomendado pra você Tema ARQUIVO PESQUISAR TODOS OS POSTS Not found any post match with your request Voltar ao início Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sext Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julio Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Set Out Nov Dez agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutos atrás 1 hora atrás $$1$$ horas atrás Ontem $$1$$ dias atrás $$1$$ semanas atrás há mais de 5 semanas Seguidores Seguir THIS CONTENT IS PREMIUM Please share to unlock Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy